MUNICÍPIOS

30/01/2018 as 11:18

Ações de vandalismo causam prejuízo aos cofres municipais

De acordo com a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) a ação de vândalos é recorrente, principalmente na zona Sul de Aracaju.

Fotos: Ascom/SMTT e Silvio Rocha<?php echo $paginatitulo ?>

Em 2017, o órgão contabilizou 19 ocorrências de furtos de cabos. No total, foram levados em média 1.610 metros. Um prejuízo de R$ 7. 245. A ação gerou a queima de dois controladores que necessitaram ser substituídos e que custaram R$ 24.000 aos cofres públicos. A Superintendência também registrou duas ocorrências de furtos de grupos focais semafóricos que precisaram ser repostos e custaram R$ 2.600. Outro ponto que também preocupa a SMTT é o número de placas de trânsito danificadas. Em média, 310 placas foram respostas no ano passado. Uma média de 30% do total de placas implantadas. Um gasto de mais de R$ 46.500. O total aproximado de prejuízos causados por ações de vandalismo e depredação em 2017 foi de aproximadamente R$ 80.345.

 

Segundo a diretora de Planejamento e Sistemas da SMTT, Lucimara Passos, o vandalismo prejudica a mobilidade urbana da cidade. “Não é fácil religar um semáforo, repassar todos os cabos. Quando ele é vandalizado pode ficar inoperante por horas. Isso significa que um semáforo inoperante oferece risco à população. Este ano já ocorreu um furto de 400 metros de cabos de um semáforo que ainda está em instalação na avenida José da Silva Ribeiro, nas imediações do Bairro América ”, alertou.

 

O presidente da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), Sérgio Ferrari, lembra que também os espaços públicos são alvos de depredação frequentemente. Isso gerou recentemente um prejuízo à Prefeitura de mais de 50 mil reais. Ainda existe também o vandalismo que ocorre nas praças. Os vândalos quebram bancos e brinquedos. A pichação é outro problema. Outro fato interessante e que as pessoas não percebem é que o ato de jogar resíduos no chão, lixo nas ruas, provoca o entupimento da rede de drenagem e ela provoca o rompimento dos tubos”, afirmou Ferrari. Com informações da Ascom/Smtt.

 

Redação Alô News.




Tópicos Recentes