Quarta, 22 de novembro de 2017
14/11/2017 às 00:17:56
Advogados ainda lutam para que Guerrero jogue a repescagem

Paolo Guerrero ainda sonha em ajudar o Peru na partida de volta contra a Nova Zelândia, pela repescagem para a Copa do Mundo de 2018. A defesa do atacante fez uma nova apelação na FIFA para que a suspensão provisória do atleta seja interrompida. Mas de acordo com o blog do Rodrigo Mattos, do UOL, a expectativa de sucesso é mínima e os peruanos sabem disso.

Guerrero foi suspenso pela FIFA por 30 dias após um exame antidoping detectar em seu organismo o principal metabólito da cocaína, a benzoilecgonina. O uso da droga foi descartado e a suspeita gira em torno do consumo de algum chá.

A audiência de Guerrero está marcada para o dia 30 de novembro. Se for considerado culpado, ele pode pegar uma suspensão de até quatro anos.

Peru e Nova Zelândia voltam a se enfrentar na quarta-feira (15).