POLÍTICA

02/01/2018 as 17:03

JB só deve ratificar compromisso com Temer após julgamento de Lula!

Quorum

Política
Por Habacuque Villacorte
<?php echo $paginatitulo ?>

O julgamento do ex-presidente da República, Luís Inácio Lula da Silva (PT), pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), no próximo dia 24, e que pode deixar o petista inelegível para as eleições de outubro, também terá muitos reflexos na política de Sergipe. É inegável que uma absolvição, mesmo que improvável, fortalece a militância do Partido dos Trabalhadores no Estado que, certamente, passará a exigir maior representação na chapa majoritária para o pleito de 2018. Hoje a legenda, mesmo que a contragosto de alguns setores, pleiteia apenas a vaga de Rogério Carvalho na disputa para o Senado.

 

Por sua vez, se Lula puder ser candidato, é provável que o PT queira “ampliar” sua participação ou até apontar um nome seu para disputar o governo do Estado. É onde também poderia entrar a atual vice-prefeita de Aracaju, Eliane Aquino, por enquanto cotada apenas para a disputa de deputado federal. Entretanto, se confirmada a condenação de Lula, seguindo os moldes da decisão em 1ª instância, o Partido dos Trabalhadores tende a ficar sem muito “poder de fogo” e certamente se contentará em ratificar a pré-candidatura de Rogério a senador, vencendo a “queda de braço” com o PRB e Heleno Silva.

 

Já para a disputa ao governo do Estado a condenação ou não de Lula é algo que também será aguardada por outras legendas. Aliado de primeira hora do presidente da República, Michel Temer (MDB), o governador Jackson Barreto ainda não anunciou quando e se irá mesmo sair do comando do Executivo agora em 2018 para disputar o Senado Federal e, pelo visto, vai esperar o julgamento do próximo dia 24. Não é inteligente, ainda mais em tempos de crise, para um governo estadual assumir uma postura de embate, mesmo que por conta do processo eleitoral, contra a presidência da República.

 

Para JB seria até mais cômodo que o julgamento de Lula acontecesse em meados de Março, já perto do prazo para o governador deixar ou não cargo. Como a decisão do petista sai agora, se for favorável a ele, certamente haverá uma pressão muito forte de alguns aliados para que Jackson se posicione publicamente junto ao cenário nacional. Neste contexto JB teria que escolher entre ficar com o PT e Lula ou manter-se alinhado com Michel Temer. Mas tem outro aspecto que vai pesar muito nesta decisão de Jackson: o risco de perder o comando do MDB em Sergipe para a oposição.

 

Em síntese, o governador não quer romper politicamente com o presidente, por enquanto, e nem cogita a possibilidade de deixar de coordenar sua legenda. Seria trágico para muitos de seus aliados históricos do MDB, sem contar que o partido tem um peso enorme no tempo de televisão para a campanha eleitoral. Sair seria “entregar de bandeja” este potencial para a oposição, que também não silenciará se Lula for absolvido e JB acenar pode ficar com o presidenciável do PT. São muitas as possibilidades, mas é certo que nada deve se definir agora, pelo menos até o próximo dia 24...

 

 

Veja essa!

Mudou o ano, mas a violência continua em alta no Estado. Na noite do réveillon uma família foi assaltada, em Itabaiana, e mesmo sem esboçar qualquer reação, o condutor de uma motocicleta e uma criança foram baleados. O adulto segue internado no Hospital de Urgência. A criança veio a óbito.

 

E essa!

O final de semana prolongado foi marcado por 14 homicídios. O governo já anunciou concurso público, mas é preciso ir mais além e, inclusive, focar na valorização dos policiais. Não dá para Sergipe continuar sendo o Estado mais violento do Brasil como já vem sendo nos últimos anos.

 

Licitação I

De férias em Itapipoca, pelas bandas do Ceará, minha amiga taróloga mandou lembrar que está chegando a licitação na Secretaria de Estado do Meio Ambiente, prevista para 9 de janeiro próximo, para serviços de irrigação. A obra estaria orçada em torno de R$ 16 milhões com recursos já garantidos pelo Banco Mundial.

 

Licitação II

As cartas mostraram que tem um “peso pesado”, apadrinhado por um político conhecido da capa vermelha, de olho nessa licitação e que já teria dispensando alguns concorrentes medianos. Na consulta feita por este colunista deu “tontura” e até uma “suadeira” na moça.

 

Não custa olhar

Este colunista, por enquanto, não faz questionamentos sobre a licitação, mas como estamos falando de R$ 16 milhões, de dinheiro da União e que tem contrapartidas do Estado, não custa uma atenção carinhosa de órgãos como MPE, MPF, TCU, TCE e até do Banco Mundial.

 

André Moura

Em entrevista exclusiva ao jornalista Diógenes Brayner, o líder do governo no Congresso Nacional, deputado André Moura (PSC), confirmou que o agrupamento decide os candidatos para 2018 ainda no mês de janeiro.

 

Eduardo Amorim

Nas rodas políticas do Estado o nome de Eduardo Amorim (PSDB), candidato natural ao Executivo, perdeu um pouco de força. Governistas e membros da oposição não acreditam em uma candidatura do senador ao governo e que, se ocorrer, provavelmente não será exitosa. Acham que Amorim terá que concentrar todas as forças para conseguir se reeleger.

 

Em silêncio

Por sua vez, o empresário Edivan Amorim segue em silêncio, não participa de movimentos políticos e segue viajando e tocando seus negócios. Pessoas mais próximas não o veem nem com muito entusiasmo com o irmão. Conhecido pelo poder de articulação, apenas acompanha tudo de longe, e por enquanto não se envolve no cenário.

 

Valadares I

O senador do PSB também segue afastado, de licença do cargo para tratamento de saúde. Segue a rigor as orientações médicas, mas também é outro que acompanha tudo o que acontece na política de Sergipe. Para muitos é o nome mais forte da oposição para disputar o governo.

 

Valadares II

O problema é que outros avaliam que Valadares tem que ceder um pouco, ou seja, asseguram a legenda para a pré-candidatura de Valadares Filho (PSB) para deputado federal e, em troca, querem o apoio total na majoritária. Há também quem não goste do estilo de fazer política de Valadares. Tudo será avaliado pela oposição...

 

Falando nele

Depois de duas vitórias consecutivas na Câmara Federal e de duas candidaturas a prefeito de Aracaju, em 2012 e 2016, Valadares Filho segue muito bem cotado na Grande Aracaju. Há quem o veja como candidato a reeleição e muito novo para o Governo. Já outros apostam que ele pode ser a “novidade” do processo eleitoral.

 

Mendonça Prado I

Através de um comunicado oficial, Mendonça Prado confirmou que a partir dessa terça-feira (2) passa a responder oficialmente como presidente do Democratas em Sergipe. “Trata-se da sigla partidária na qual exerci três mandatos consecutivos de vereador, deputado estadual e três de deputado federal. Portanto, para mim é motivo de honra liderar a sigla em que estabeleci minha trajetória política ao longo de trinta anos, para encetar um processo de modernização”.

 

Mendonça Prado II

“Essa ascensão decorreu por iniciativa da senadora Maria do Carmo Alves, que viu em meu nome o mais apropriado para dar seguimento à história dessa vitoriosa sigla em nosso estado. Sendo assim, a partir de agora o Democratas promoverá debates sobre temas relevantes, e buscará construir elos de ligação com os diversos segmentos da sociedade, visando uma imprescindível sintonia”, completa Mendonça.

 

Novo tempo

Por fim, Mendonça diz no comunicado que a ideia fundamental é oferecer aos sergipanos uma sigla contemporânea, capaz de auscultar o povo, refletir sobre questões políticas e pensar o futuro do estado com a devida responsabilidade.

 

Emília Corrêa I

A vereadora Emília Corrêa (PEN) solicita campanha permanente de respeito à faixa de pedestres. O objetivo é conscientizar os condutores e pedestres da importância de se respeitar a sinalização, como  forma de diminuir os acidentes e mortes no trânsito.

Emília Corrêa II

Segundo Emília, através de campanhas permanentes de respeito à faixa, os condutores e pedestres estarão sendo estimulados a promoverem as mudanças necessárias no seu comportamento no trânsito.

 

Edvaldo Nogueira I

Assessores do prefeito Edvaldo Nogueira celebram porque ele ficou em primeiro lugar entre os prefeitos de capitais do Nordeste em cumprimento de promessas em seu primeiro ano de governo. A informação foi divulgada pelo G1, portal de notícias da Rede Globo, que realizou um levantamento sobre a atuação dos Executivos Municipais das 26 capitais do país.

 

Edvaldo Nogueira II

De acordo com os dados divulgados pelo G1, o prefeito de Aracaju cumpriu, ao longo do ano, 11 promessas das 51 principais propostas de seu plano de governo registrado na Justiça Eleitoral. Deste modo, Edvaldo já honrou com 21,6% dos compromissos que firmou com os aracajuanos. Há ainda, segundo o portal de notícias, outros 11,8% de promessas que já foram cumpridas em parte.

 

Salários em dia?

Dentre as propostas “cumpridas” por Edvaldo Nogueira está o pagamento do funcionalismo público municipal em dia. Esta, certamente, seria a “bandeira” do primeiro ano do mandato do prefeito, mas até agora muitos servidores ainda não receberam seus salários de dezembro. A previsão é que os salários só estejam em dia no próximo dia 11.

 

Luciano Bispo I

Foi aprovado e sancionado na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) o Projeto de Lei nº 01/2017 que institui o Programa Estadual de Orientação sobre Síndrome de Down de autoria do presidente da Alese, deputado estadual Luciano Bispo (MDB). De acordo com o projeto, o objetivo é assegurar a realização, por parte das maternidades, hospitais e instituições similares, do exame para estudo cromossômico, denominado teste de cariótipo, nos recém-nascidos com hipótese diagnosticada.

 

Luciano Bispo II

Além disso, sensibilizar todos os setores da sociedade para estimular atividades de divulgação, proteção e apoio às pessoas com Síndrome de Down e aos familiares. “Este projeto de Lei poderá ser um importante instrumento para garantir o ensino, o trabalho e a saúde das pessoas com síndrome de down, tendo como preceito fundamental o combate ao preconceito e a garantia de conhecimento aos seus pais da síndrome”, destacou Luciano Bispo.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com




Tópicos Recentes