POLÍTICA

28/01/2018 as 16:00

Temer nega reeleição e diz que Previdência fica para fevereiro

O presidente Michel Temer disse em entrevista neste sábado (27) que a reforma da Previdência deve ser votada em fevereiro e que não será candidato à reeleição neste ano.

Foto: (© Marcos Corrêa PR)<?php echo $paginatitulo ?>

Ele foi um dos entrevistados no novo programa do apresentador Amaury Jr., de volta à Bandeirantes. A conversa faz parte do esforço do presidente de melhorar sua imagem e tentar explicar para o público a reforma da Previdência. Ele também gravou participação no programa de Silvio Santos, no SBT, que vai ao ar na noite deste domingo (28).

A entrevista pouco resvalou em questões políticas e econômicas. Temer defendeu seu legado, principalmente na área econômica, citando como exemplos o teto dos gastos públicos e a reforma trabalhista.

Sobre a reforma da Previdência, ele disse ser mais uma necessidade que uma obsessão sua. "Precisamos já fazer uma reforma da Previdência para que mais adiante não seja necessária uma reforma radical."

A aposta, segundo o presidente, é que a reforma já está sendo absorvida pela população, o que repercutirá no Congresso. "E tenho certeza que, em fevereiro, conseguiremos fazer a reforma da Previdência."

Temer negou que queira ser candidato à reeleição, e que deseja uma vida mais tranquila. "Quero ser lembrado lá na frente como o sujeito que fez as reformas indispensáveis para o país", disse. Com informações do FolhaPress.




Tópicos Recentes