POLÍTICA

09/02/2018 as 21:19

Assassinatos em Sergipe diminuíram em 2017, mas percentual ainda é assustador!

Quorum

Política
Por Habacuque Villacorte
<?php echo $paginatitulo ?>

O Governo do Estado está “soltando foguetes” com a confirmação de que os registros de assassinatos no Estado diminuíram em 2017, em relação ao ano anterior, mas este colunista é mais prudente e faz um alerta: os números não são nada animadores, a redução foi pequena e a violência segue assustadora. Em síntese, ao longo de todo o ano passado, foram registrados 3 assassinatos por dia, um número fora do normal para o “histórico” de Sergipe, sobretudo em relação a outras unidades da Federação.

 

Em 2016 foram registrados 1.306 assassinatos contra 1.123 em 2017, com médias de 3,57/dia e 3,07/dia, respectivamente. Olhando os números, friamente, é evidente que houve uma redução, mas indo um pouco mais além, a violência saiu do controle no País inteiro e Sergipe não é uma ilha. Por dois anos consecutivos fomos, proporcionalmente, o Estado mais violento do Brasil e a sensação de insegurança é cada vez maior com o passar dos dias. A “matemática” da nossa SSP não está “batendo” com a “contabilidade” do crime organizado.

 

Para se ter uma ideia de como a nossa estrutura de Segurança não vem funcionando a contento, chegamos apenas ao dia 9 de fevereiro de 2018 e já foram registrados 17 assassinatos no município de Itabaiana. Isso representa uma média de quase um homicídio a cada dois dias na cidade serrana. Esta é a conta que certamente não interessa ao Estado, mas que precisa ser reconhecida e combatida. É preciso identificar, atuar e conter tanta violência. O argumento de que só os bandidos estão morrendo não se justifica, até porque, isso assusta a comunidade em geral e muitas vezes, alguns inocentes acabam sendo penalizados.

 

Ao invés de o governo do Estado gastar os poucos e escassos recursos que possui em propaganda sobre a redução nos números de assassinatos em 2017, este colunista sugere que a gestão transforme esse dinheiro em mais investimentos para a segurança pública. Hoje pela manhã, com uma moto, dois marginais “tocaram o terror” nos bairros da zona Norte de Aracaju, promovendo arrastões, driblando a ação policial. É preciso concentrar os esforços e redobras as atenções porque o crime está ganhando espaço. É trabalhar para reduzir ainda mais os registros ao longo de 2018.

 

Pausa na coluna

Como também é filho de Deus este colunista suspende as publicações durante os festejos de Carnaval e retorna às atividades na próxima quinta-feira (15), colado no fim do recesso do Poder Legislativo Estadual. Boas festas para quem vai brincar e bom descanso para quem pretende fugir da folia.

 

Veja essa!

O genro de Almeida Lima, Breno Silveira, pré-candidato a deputado estadual, em entrevista ao radialista George Magalhães, nessa sexta-feira (9), disse que seu candidato a governador é Belivaldo Chagas e seu primeiro candidato a senador será André Moura (PSC).

 

E essa!

Breno Silveira disse que após o carnaval vai definir o partido e vai esperar a solução sobre as polêmicas “chapinhas”. Disse que só não vota em André Moura para governador. “Tenho compromisso e amizade por André. Ele sempre foi muito atencioso comigo e atende minhas solicitações”.

 

Dobradinha

Quando Breno Silveira confirma que seu primeiro candidato a senador é André Moura, ele não apenas confirma que o deputado disputará o Senado, como “dá a senha” que Almeida Lima aprova a “dobradinha” tão propagada pela imprensa de JB e André para o Senado...

Olho nele!

Ontem este colunista trouxe a tona uma articulação do secretário de Saúde, Almeida Lima (MDB): se não conseguir ser o candidato do grupo a governador, vai sugerir um nome de sua confiança para cuidar da Saúde Estadual e vai tentar assumir a Secretaria da Fazenda, para reverter um pouco o desgaste do governador Jackson Barreto.

 

Exclusiva!

Este colunista obteve uma informação exclusiva nesta sexta-feira (9): Almeida Lima estaria trabalhando para indicar o presidente do Banese, Fernando Mota, para assumir a Fazenda. Alguns convites já teriam sido feitos e Mota recusou. A informação é que ele toparia o desafio, mas apenas no início de um novo governo...

 

Bomba!

Enquanto vários prestadores de serviços do Estado estão “quebrando” porque não recebem dinheiro, na Saúde e na Fundação Hospitalar as pendências antigas são encaminhadas, muitas vezes com uma parceria forte do Banese, como foi no caso recente do Hospital Cirurgia. Já tem empresário agendando audiência com Belivaldo Chagas (MDB) para tentar receber seus débitos via Banco do Estado...

 

Bem articulado

Pelo visto, Almeida Lima prova que é um dos secretários mais bem articulados da gestão de JB. Tem um genro pré-candidato a deputado estadual, concentrou a Saúde estadual em suas mãos e agora quer controlar a Sefaz e o Banese. Só falta querer ser candidato a governador no lugar de Belivaldo...

 

André e Valadares

Na companhia do pai e ex-conselheiro Reinaldo Moura, o deputado federal André Moura (PSC) derrubou uma série de especulações feitas por setores da imprensa, nessa sexta-feira (9), quando visitaram o senador Valadares, que se recupera de um pequeno procedimento cirúrgico. Certamente também trataram de política...

 

Majoritária

Este colunista não obteve detalhes da conversa, mas na onda das “especulações”, já surgiram boatos de que do encontro saíram entendimentos para a possível formação da chapa majoritária da oposição. A definição pode surpreender muita gente...

 

Em Minas

O senador Eduardo Amorim (PSDB) viajou para Minas Gerais na companhia dos familiares e do irmão Edivan Amorim. Devem passar a semana do Carnaval por lá. É provável que o político quando retornar a Sergipe já volte decidido sobre o que fará no processo eleitoral deste ano.

 

Não cumpre I

Vários empresários que ajudaram, direta ou indiretamente, na campanha do prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB), em 2016, estão muito contrariados com o gestor. A informação é que o comunista sequer dar atenção aos amigos que foram decisivos para sua vitória nas urnas.

 

Não cumpre II

Um desses empresários chegou a desabafar com este colunista: “ele (Edvaldo) quando precisa, é educado, manso e bastante humilde. Agora depois que ganha, esquece os amigos. Deveria, pelo menos, devolver a ‘ajuda’ que recebeu para ser prefeito de Aracaju”. #eitalêlê

 

Aposentados I

Este colunista foi procurado por aposentados e pensionistas da rede estadual reclamando de que, por falta da prova de vida, tiveram seus benefícios bloqueados. No SergipePrevidência eles foram questionados se receberam uma carta em suas residências, noticiando o fato.

 

Aposentados II

Para resolver a situação, os aposentados e pensionistas até conseguem regularizar a situação, mas o “desbloqueio” só se configura após 20 dias úteis, ou seja, os salários de janeiro a turma só vai receber em Março, na Semana Santa. E haja “jejum” para a turma da melhor idade...

 

Reforma da Previdência

O Governo de Jackson Barreto se antecipou ao governo Temer (MDB) e já iniciou sua própria Reforma da Previdência: muitos professores estão desistindo da aposentadoria. Preferem trabalhar para receber todo dia 31 do que descansar e só receber parcelado, quase um mês depois...

 

Senador Elber I

Diante de uma série de especulações em setores da imprensa local, ventilado o futuro político do senador Valadares (PSB), que se encontra licenciado do cargo para tratamento de saúde, o também senador Elber Batalha (PSB) explica que o líder do PSB sergipano continua “vivo” politicamente falando e que estará atuando no processo eleitoral de 2018. Exercendo o cargo no Senado Federal, desde o final de 2017, Elber Batalha coloca que Valadares “não será escanteado” como alguns imaginam.

 

Senador Elber II

Sobre as conjecturas que estão sendo colocadas pela imprensa, o senador Elber disse que “nosso líder político ainda está afastado de suas funções, está se recuperando bem dos procedimentos cirúrgicos e logo estará com as baterias completamente recarregadas. Quando Valadares voltar à cena política, muita coisa começará a ser definida aqui em Sergipe”.

 

Valadares tem voto

Em seguida, o senador Elber foi ainda mais direto em suas colocações. “Não existe eleição em Sergipe sem a presença de Valadares! Teremos pela frente uma eleição atípica, onde o eleitorado vai valorizar e reconhecer que tem serviços prestados e, principalmente, que tem uma vida política sem máculas e com a ficha limpa. Só não participa de composição política quem não tem voto! E Valadares já provou que tem sendo eleito senador por três vezes em Sergipe”.

 

Unidade

Mais adiante, senador Elber defendeu a unidade da oposição em torno de um projeto que venha salvar Sergipe. Ele considera o governo de Jackson Barreto (MDB) uma “tragédia administrativa” em vários setores e avalia que a gestão atual não terá continuidade. “Estamos vivendo um caos na Educação, Saúde e, principalmente, na Segurança Pública. O Governo deve aos fornecedores, centenas de obras estão paralisadas, atrasou os salários dos servidores e parcelou os rendimentos dos aposentados e pensionistas. Não dá para continuar com isso”.

 

Consenso

“Eu acho que a oposição vai marchar unida nesta eleição. É evidente que, por enquanto, há uma disputa por espaços, mas lá na frente a gente terá um candidato competitivo para disputar e vencer a eleição. Tenho certeza que, no momento certo, os líderes vão sentar na mesa e definir a formação da chapa majoritária. A rejeição do governo é muito grande e Valadares é um nome testado e aprovado, pronto para disputar qualquer cargo em 2018”; completou o senador Elber Batalha.

 

Laranjeiras I

A Prefeitura Municipal de Laranjeiras, através da Secretaria de Assistência Social, promoveu, no CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) Ângela Maria, localizado no Conjunto, uma palestra para usuários atendendo as metas estabelecidas no Plano Municipal de Assistência.

 

Laranjeiras II

Atendendo a uma orientação do prefeito Paulo Hagenbeck (DEM), o “Paulão das Varzinhas”, e da vice-prefeita, Suely Alves (DEM), a “Suely da Escolinha”, a secretária Lícia Aguiar falou da importância de ser ter um Centro de Referência de Assistência no municipal e detalhou o papel social do mesmo.

 

Lícia Aguiar

“Nossa intenção aqui é, unicamente, de fortalecer os vínculos familiares e comunitários com foco principal em famílias que necessitam da Assistência Social, seja por dificuldades financeiras, sociais ou emocionais”, explicou Lícia Aguiar, ponderando as ações e competências do CRAS e destacando a importância de se garantir autonomia financeira para todos os assistidos.

 

Palestra

Durante a palestra, com toda a equipe técnica do Centro de Referência de Assistência Social, os assistidos receberam informações sobre o curso de técnicas com chocolate, como a produção de trufas, alfajores, brigadeiros de corpo e outras coisas, que será ministrado no próximo mês de Março, capacitando e gerando uma renda extra para todos os envolvidos.

 

Simão Dias

O prefeito de Simão Dias, Marival Santana, ainda não foi notificado da interdição do matadouro municipal. A informação foi confirmada nessa sexta-feira (9), durante entrevista a uma emissora de rádio de Lagarto. O prefeito admitiu ter dificuldades para regularizar a situação do matadouro, principalmente porque ele está localizado em área urbana.

 

Marival Santana

“A Prefeitura sempre se colocou à disposição para corrigir as falhas, mas aqui temos um agravante maior que é a localização. Dois conjuntos se aproximaram demais e ele acabou ficando dentro da cidade. Por conta disso, não é permitido que sejam feitas adequações no matadouro”, salientou.

 

REDE

Os vereadores Kitty Lima e Américo de Deus, que integram a bancada do Partido Rede na Câmara Municipal de Aracaju (CMA), foram homenageados com o certificado ‘Personalidade Destaque de Sergipe’ durante a XIV Edição do Prêmio VIP de Educação Superior, concedido pela Revista Educação Superior Nordeste, em parceria com o Jornal Coerente. A honraria é fruto de uma pesquisa de opinião pública realizada com estudantes universitários de diversas instituições de ensino superior do Estado. 

 

Avosos I

Uma fã do cantor Devinho Novaes visitou a sede da Associação dos Voluntários a Serviço da Oncologia em Sergipe e trouxe dois kits autografados pelo músico, juntamente com um vídeo. “O motorista dele, Joel, é meu amigo. Eu sou colaboradora da Avosos há alguns anos e tive esta ideia. Comentei com Joel e Devinho topou de imediato ajudar a causa de crianças e adolescentes com câncer”.

 

Avosos II

“Fiquei muito feliz e aqui estou para fazer a entrega destes kits”, revela a fã Edjavânia dos Santos, moradora do bairro São Conrado. Para concorrer aos kits basta doar, até o próximo dia 30 de março, R$ 15 em prol da Avosos! O resultado será divulgado na primeira semana do mês de abril.

 

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

 

 




Tópicos Recentes